O Coração Revelador - #12mesesdepoe agosto

08:54

Sei que demorei bastante para postar a resenha e os links dos blogs participantes, mas já expliquei o que aconteceu em outro post. Em agosto lemos um conto muito famoso e querido, chamado "O Coração Revelador" (ou delator, ou denunciador, dependendo da tradução).

Neste conto, um narrador sem nome tenta convencer o leitor que é são, enquanto conta a história de como matou um velho por causa de seu olho "de abutre". 

edgar allan poe #12mesesdepoe annacosta desafio de leitura coração delator tell-tale heart livro resenha poe

O Tell-Tale Heart causou muitas opiniões diferentes e interessantes no tópico de discussão do facebook, porque é aquele tipo de conto que tem um desfecho prático, mas não uma explicação para as coisas que aconteceram, e vemos isso frequentemente em contos esse ano. Um ponto levantado pelos leitores é a semelhança com dois outros contos de Poe: O Gato Preto e O Demônio da Perversidade (lido em fevereiro). Além disso, outro ponto explorado bastante na obra de Poe é a impossibilidade de confiar no que o narrador relata, seja porque ele está louco, ou não dorme há dias, ou está doente, entre vários outros motivos. Ao leitor, fica o questionamento não solucionado na história, sobre os motivos que levaram, no caso de O Coração Revelador, o narrador a matar o velho com o qual morava e depois confessar seu crime considerado perfeito. 

A semelhança com O Demônio da Perversidade se dá neste aspecto. Enquanto esse (publicado em 1845) nos faz acreditar em uma força externa, então explicada como um demônio perverso que nos faz agir impulsiva e destrutivamente para seu bel-prazer, Tell Tale Heart nos leva a acreditar que a culpa, entranhada no inconsciente do narrador, o levou a ouvir as batidas do coração daquele que ele matou violentamente embaixo do assoalho, cada vez mais alto, a ponto de confessar seu crime. As pessoas que acompanham o projeto já perceberam que os criminosos não costumam se dar bem nessas histórias, e não é pela eficiência da polícia. 


Apesar de breve, o conto é aclamado pelos leitores e possui inúmeras referências na cultura pop e adaptações cinematográficas, animações e até músicas. Ele foi publicado pela primeira vez em janeiro de 1843 na Pioneer, uma revista de literatura, e estima-se que Poe ganhou $10 dólares pela publicação, embora o conto tenha sido republicado diversas vezes enquanto Poe ainda vivia. 

No desenrolar da história, Poe nos presenteia com detalhes macabros sobre o que seu narrador fez noite após noite para planejar e executar o crime perfeito, mas pouco é revelado sobre qual a relação entre os dois personagens, quais as motivações reais do crime. De onde ele conta sua história? Da cadeia? Do hospício? Para quem ele conta? São perguntas que permanecem na mente do leitor por horas após fechar o livro. 

edgar allan poe #12mesesdepoe annacosta desafio de leitura coração delator tell-tale heart livro resenha poe

A tentativa desesperada do narrador de demonstrar sua sanidade acaba por incriminá-lo pela confissão do assassinato. Suas tentativas de racionalização de seu ato podem ser explicadas pela psicanálise como um mecanismo de defesa de seu inconsciente. Para manter a integridade de suas estruturas psíquicas, ele tenta justificar o injustificável - o crime sem motivo: "Object there was none. Passion there was none.".

edgar allan poe #12mesesdepoe annacosta desafio de leitura coração delator tell-tale heart livro resenha poe

Em sua construção, Poe utiliza cada palavra metodicamente para instigar a curiosidade, manter e leitura em um ritmo cadenciado e reforçar as declarações do narrador. Aqui é preciso abrir um parêntese para falar das inúmeras traduções desse conto. Traduzir Poe não é uma tarefa fácil. Recursos de linguagem como aliteração, que ele usa frequentemente, se não forem adaptados para nossa língua na tradução, se perdem e enfraquecem o poder da narrativa. Uma animação de 1953 (veja abaixo) mostra o texto integral e ali é possível compreender com mais clareza as intenções de Poe ao contar esta história. Existem pelo Brasil dezenas de traduções diferentes desse conto, e recomendo fortemente que se faça a leitura de duas ou três delas para identificar essas falhas e ter maior compreensão dessas intenções de composição que Poe defendia fortemente e que eram das maiores qualidades em sua obra. É preciso enfatizar que nem só de uma boa ideia a história é feita. 



RESENHAS DE "O CORAÇÃO REVELADOR"
(se a sua não está na lista, me avise nos comentários)


VÍDEOS
A playlist com os vídeos que encontrei mencionando o desafio continua sendo alimentada, e você pode assistir todos abaixo ou dar uma olhadinha direto no Youtube. E se você fez algum vídeo que eu não encontrei, me manda o link aqui nos comentários que eu adiciono na playlist com o maior prazer!



FORMAS DE PARTICIPAR DO DESAFIO

Você também pode gostar

0 comments

Obrigada por ler o post até o fim! Eu sempre respondo os comentários, então se você gostaria de ver minha resposta, clique no botão "notificar-me"!
<3

Subscribe